Categorias de CNH: O que é Adição de Categoria CNH?

Categorias de CNH: O que é Adição de Categoria CNH?

Tirar a carteira de motorista é o sonho de muitas pessoas, pois ter habilitação é sinônimo de liberdade, além de facilitar (e muito) o transporte. Para começar, deve-se escolher a categoria para tirar a primeira habilitação. Nesta etapa, o candidato deve optar entre as categorias  de CNH A (moto) ou B (carro).

Com a primeira habilitação em mãos, é possível que posteriormente o motorista faça a inclusão de outra categoria. Desta forma, condutores habilitados nas categorias B, C, D e E que desejam adicionar a categoria A (motocicleta) ou que tenham a categoria A e queiram adicionar a categoria B.

Como funciona a adição de categorias de CNH ?

A Adição de Categoria funciona um pouco diferente do processo para conseguir tirar a primeira habilitação, pois o motorista já está apto a dirigir e já tem conhecimentos teóricos sobre legislação.

Ainda assim, é necessário se submeter aos exames de aptidão física e mental exigido pelo Detran – MG. Desta forma, o motorista atesta que tem capacidade de dirigir outro tipo de veículo além do que escolheu na primeira habilitação.

Após ser aprovado no exame médico, o condutor é submetido à prova prática do Detran – MG. Mas antes, deve procurar uma autoescola credenciada para realizar as aulas práticas da categoria CNH pretendida. Por mais que o motorista já saiba como dirigir o veículo o qual pretende tirar a habilitação, deve cumprir com pelo menos 25 horas de aula exigidas pela lei.

O exame toxicológico é exigido quando?

O exame toxicológico é exigido para condutores com habilitação nas categorias C, D e E, exercendo ou não atividade remunerada.

Caso o resultado do exame toxicológico seja positivo, o condutor deverá fazer a contra prova no mesmo laboratório ou aguardar noventa dias para realizar um novo exame. 

Para mais post: http://www.mptran.com.br

Deixe um comentário